O nosso website utiliza cookies para melhorar e personalizar a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar estŠ a consentir a utilização de cookies.    Saiba +

PROJETOS

Projeto Cuvelai - Sistema de Aviso R√°pido e Previs√£o de Inunda√ß√Ķes


Descrição

A bacia do rio Cuvelai é uma bacia transfronteiriça que tem início nas colinas do sul de Angola e termina no Pântano de Etosha, no norte da Namíbia.

No lado Angolano, grande parte da bacia situa-se nos municípios de Cuanhana, Cuvelai, Namacunde e Cuamato, na província do Cunene.

Durante a estação chuvosa, a água drena para o sul a partir das colinas, inicialmente ao longo de pequenos rios e depois para terras planas, onde se tornam numa enorme rede de canais rasos chamados chanas.

A maioria da população vive ao longo das linhas de drenagem, com solos mais argilosos e consequente maior dificuldade na absorção da água, constituindo a maior fonte de preocupação, devido à forte exposição aos impactos das inundações.

Este projeto tem como objetivo a criação de um sistema integrado de aviso rápido e previsão de inundações (SARPI), de extrema importância para a salvaguarda da vida das pessoas e animais e também para a minimização dos impactos económicos decorrentes deste tipo de ocorrências.

O projeto tem como principal financiador o GEF (Global Environment Facility - Fundo Global para o Ambiente), sendo a entidade gestora o GABAC (Gabinete de Alterações Climáticas do Ministério do Ambiente de Angola) e o responsável pelo apoio à gestão o PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento).

O GABHIC (Gabinete para a Administração da Bacia Hidrográfica do Rio Cunene), o INAMET (Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica), o INRH (Instituto Nacional de Recursos Hídricos) e os Serviços de Proteção Civil são as entidades participantes diretamente envolvidas neste projeto.

Data 2019-10-03 ClienteMinist√©rio do Ambiente de Angola, Gabinete de Altera√ß√Ķes Clim√°titicas LocalizaçãoCuvelai, Angola